quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Os desafios do tabagismo - Por Dr. Luiz Carlos Corrêa da Silva*



O conceito do tabagismo há mais de duas décadas saiu da antiga concepção de ser um hábito, um charme social, uma forma de encontrar companhia em situações de solidão, ou mesmo uma opção para enfrentamento das demandas do dia a dia. Hoje sabe-se que o tabagismo é doença de dependência da nicotina, concorrendo também outros fatores de natureza psicológica que podem dificultar parar de fumar.

A fumaça de cigarros contém mais de 4.700 substâncias químicas, sendo 200 destas tóxicas e prejudiciais para a saúde, e 50 com forte efeito cancerígeno. O setor respiratório é o mais diretamente atingido, mas as substâncias tóxicas circulam por todo o organismo vindo a causar danos e doenças.

A irritação provocada por estas substâncias danosas costuma causar um processo inflamatório e alterações celulares em diversos locais, tendo como consequência mais de cinquenta doenças graves e fatais, que se constituem nas principais causas de mortalidade humana: cardiovasculares (principalmente infarto do miocárdio), câncer (de pulmão e outros locais), derrame cerebral, e doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC, mais conhecida como enfisema e bronquite crônica).

O tabagismo causa 6 milhões de mortes no mundo, anualmente, pelas doenças tabaco-relacionadas (DNCT), sendo mais de 130 mil destas mortes no Brasil. Isto configura uma verdadeira epidemia, sem dúvida o maior flagelo da humanidade, que pode ser evitado e tratado.

A melhor medida para controle do tabagismo é a de prevenção, impedir que os jovens se iniciem e tornem-se dependentes. Isto implica em educação e ações restritivas. Evitar fumar o primeiro cigarro, que abre caminho para a dependência, deve ser um grande objetivo da família e da escola.

O grande segredo para parar de fumar chama-se MOTIVAÇÃO. Uma pessoa motivada e que tenha objetivos bem definidos, terá grande chance de parar de fumar. Se tiver motivos mobilizadores de sentimentos positivos haverá ainda mais facilidade para parar de fumar.

O auxílio de médico, especialista ou não, constitui-se num grande apoio para conseguir parar de fumar, na medida que se avaliem diversos itens do perfil do paciente. A terapia cognitivo-comportamental (TCC) é a base do tratamento, sendo sempre da máxima importância, pois auxilia nos aspectos da dependência psicológica. Medicamentos ajudam a diminuir a síndrome de abstinência – aquelas sensações e sintomas desagradáveis causados pela privação da substância nicotina.

O grande segredo para obter sucesso na cessação do tabagismo é preparar o paciente para manter-se abstinente, segurar a vontade de fumar de maneira estruturada e consistente, e, assim, evitar os lapsos e recaídas.

Existem tratamentos estruturados para parar de fumar que em muito auxiliam pessoas que não conseguem parar por iniciativa própria. O Ministério da Saúde, através das Secretarias Estaduais e Municipais, propicia profissionais e equipes treinadas para ajudar fumantes a parar de fumar, inclusive com fornecimento de medicações. Hospitais e Clínicas Especializadas também prestam esta assistência, de maneira personalizada.

A mensagem simples e direta para ficar na memória de todos os fumantes: “se você quiser parar de fumar, vai conseguir através de um programa baseado nas suas necessidades individuais”. Procure um pneumologista!

Dr. Luiz Carlos Corrêa da Silva

Comissão de Tabagismo da SBPT - Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia

29/08 - Dia Nacional de Combate ao Fumo: Cães e gatos podem desenvolver câncer de pulmão




Veterinária da Pet Center Marginal alerta sobre o fato dos pets serem fumantes passivos
Cães e gatos também sofrem os males do tabagismo que implicam em bronquite, rinite, traqueite, dermatite, alergias e até câncer de pulmão. "E o pior, como são acariciados pelos fumantes, que nem sempre lavam as mãos após fumar, as toxinas acabam sendo depositadas na pele dos bichinhos que não tomam banho com tanta frequência, ficando em contato com essas substâncias tóxicas por mais tempo. Elas, aliás, também costumam ser absorvidas pelo organismo do pet que possui o hábito de se lamber", informa a veterinária Dra Karina Mussolino, do Hospital Veterinário da Pet Center Marginal.

Os mesmos cuidados que o tutor tem com as crianças devem ser aplicados aos animais. "Fumar longe dos bichinhos e lavar as mãos são atitudes conscientes para preservar a saúde dos pets", alerta.

Embora não existem raças mais propensas aos malefícios do cigarro, estudo internacional já demonstrou que o tipo de tumor desenvolvido por cães que são fumantes passivos depende do tamanho do focinho. Naqueles com focinho avantajado as substâncias cancerígenas se acumulariam em maior quantidade devido à maior área de contato, fazendo com que desenvolvessem câncer no nariz.

Por outro lado, sabe-se que os cães e gatos braquicéfalos (focinho curto, como Shi-Tzu, Pug, Bulldog francês e inglês, e o gato Persa, por exemplo) também são suscetíveis por apresentarem menor capacidade para filtrar o ar, por isso teriam maior chance de serem acometidos pelo câncer de pulmão.

Como os gatos possuem o hábito de se lamber para manter a higiene, essas substâncias cancerígenas entram em contato com mais facilidade com a mucosa da boca dos bichanos, aumentando a chance do aparecimento de tumores na região (língua e boca) e nos linfonodos. Para comprovar, outro estudo, publicado no American Journal of Epidemiology, já apontou que um felino exposto à fumaça do cigarro possui três vezes mais chance de desenvolver o linfoma felino.

Demais evidências provaram que os pets fumantes passivos apresentavam maior número de células de defesa após exames de sangue, como os linfócitos e macrófagos, além da presença de antracose - doença que gera lesão nos pulmões provocadas por partículas de poluentes e substâncias tóxicas.

De acordo com a Dra. Karina Mussolino, como nem sempre, esses animais apresentam sintomas relacionados à toxidade do cigarro, é importante que os tutores levem os bichinhos para avaliações periódicas e check-up. "Uma bronquite recorrente, por exemplo, pode ser uma resposta alérgica dos bichinhos ao cigarro, e o diagnóstico e tratamentos precoces aumentam as chances de cura e proporcionam bem-estar ao paciente", conclui.

Ovos de jacarés são fonte de alimento durante a seca



A taxa de predação de ovos das espécies Melanosuchus niger (jacaré-açu) e Caiman crocodilus (jacaretinga) chamou a atenção dos pesquisadores do Programa de Pesquisa em Conservação e Manejo de Jacarés e do Projeto Aquavert (desenvolvido pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá - IDSM - com patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Ambiental). De 559 ninhos avaliados em 145 corpos hídricos, a taxa de predação chegou a 30,8%. "A coleta de dados sobre as duas espécies é anual, mas dessa vez a ocorrência da predação dos ninhos nos fez escrever sobre o assunto", explica Kelly Torralvo, uma das pesquisadoras envolvidas no estudo.

Os ninhos analisados se encontraram em 145 corpos de água localizados na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá. "Precisávamos identificar os predadores e avaliar o impacto disso no desenvolvimento das espécies", conta Kelly. "Não temos um trabalho de acompanhamento desses ovos até a eclosão, porém a predação é um processo ecológico natural", avalia. "Os ovos de jacarés são fonte de alimento para outras espécies, o que se insere na cadeia trófica no período da seca", completa a bióloga.
Além da predação por outras espécies, os ninhos de jacarés também são alvos de coleta por moradores locais. "Não temos dados de comercialização de ovos na reserva, então quando a predação humana é feita para consumo de subsistência, podemos encarar que o homem está integrado na cadeia do ecossistema", analisa. Mesmo assim é importante diminuir a predação feita pelo homem - e o trabalho dos pesquisadores junto às comunidades tem esse objetivo. "Nós incluímos os comunitários nas pesquisas, tanto na proteção dos ninhos quanto nas contagens populacionais - é um monitoramento comunitário", explica Kelly.

Rotina
Durante a coleta de dados (entre outubro e dezembro), o grupo de pesquisadores e biólogos do Instituto contou com o apoio de assistentes de campo - os próprios moradores da Reserva. Os ninhos eram avistados pelo grupo e, em cada um deles, eram coletadas medidas de altura e largura, coordenadas geográficas, características do micro hábitat, e informação sobre predação e presença (ou ausência) da fêmea nas proximidades. Kelly e Robinson Botero-Arias foram os pesquisadores responsáveis pelo tratamento, interpretação e divulgação dos dados.

A predação era identificada através de cascas de ovos e pelas folhas espalhadas (que antes formavam um monte para proteção dos ovos). "Cada vestígio é atribuído a um predador - e na maioria das vezes quem identificava o predador eram os assistentes", relembra Kelly. "Por exemplo: no caso de predação por onça o ninho estava pisoteado e muitas vezes conseguíamos ver as pegadas; por macacos, as cascas seguiam espalhadas em um raio maior, além do ninho. Já no caso de jacuraru encontrávamos menos bagunça; e no caso do homem os vestígios eram evidentes: ovos inteiros ausentes, ninho aberto e, em alguns lugares, restos de fogueiras pela área", ensina a bióloga.

Impactos e novas análises
O próximo passo na interpretação dos eventos de predação é a instalação de armadilhas fotográficas. "Assim conseguiremos firmar esses dados, pois as imagens fornecem provas do predador e de quantas vezes ele visitou aquele determinado ninho", explica Kelly. "E essa comprovação acontecerá ainda este ano", completa.

Texto: Lilian Wiczneski

Diga não às usinas térmicas a Carvão. Apoiem ao Greenpeace

O mundo já sabe que o carvão é uma das fontes de energia mais poluentes que existem. Só o governo não entende. Por isso fomos a Brasília mostrar a sujeira que ele causa. Na frente do prédio do Ministério de Minas e Energia, mineiros sujos dos pés à cabeça despejaram uma tonelada e meia de briquete de carvão e estenderam uma faixa com a mensagem: “Lobão, carvão no leilão não!”.
Edison Lobão é o ministro que comanda a política de energia do país. Amanhã, dia 29 de agosto, o leilão A-5 vai ofertar 1.840 MW de energia produzida por térmicas a carvão. Isso não acontecia desde 2009. E não deveria acontecer nunca mais.
Não podemos deixar o carvão voltar ao leilão, mostre sua indignação. Deixe sua mensagem para Lobão.
Para cada kWh de eletricidade produzida com carvão, um quilo de CO2 é despejado na atmosfera. Só para comparar, a cadeia de produção da energia eólica emite 12 gramas de CO2 para cada kWh produzido.
O Brasil precisa mesmo diversificar sua matriz elétrica. Mas para isso não falta energia renovável. Provamos isso com nosso novo relatório [R]evolução Energética, que mostra que poderemos ter 92% da matriz elétrica movida por fontes renováveis como vento, sol ou biomassa até 2050. O que está faltando mesmo, é vontade política.
Ajude-nos a construir um futuro mais renovável. Junte-se a nós.

Greenpeace

terça-feira, 27 de agosto de 2013

27 de Setembro - Dia do Psicólogo

Ao procurar um bom profissional de Psicologia você será auxiliado a entender, conviver e superar etapas de sua vida que não foram bem resolvidas. Um bom profissional contribuirá para que você busque o seu próprio caminho para a superação e para uma vida mais feliz.

Nem todos os Psicólogos atuam na área clínica. Nas empresas eles contribuem prioritariamente nas áreas de recursos humanos, pois são profissionais preparados para ouvir, identificar talentos e promover o desenvolvimento humano, contribuindo para um melhor ambiente no trabalho e alcance de resultados mais eficazes.

A todos os psicólogos parabéns pelo seu dia.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Palestra inspiradora de Gary Yourofsky, na íntegra, sobre direitos animais e veganismo

Palestra inspiradora de Gary Yourofsky, na íntegra, sobre direitos animais e veganismo, realizada na Universidade Georgia Tech, nos EUA, no verão de 2010. Ouça a esse sensacional palestrante que vai desmitificar mitos,inundar sua mente com fatos interessantes e ajudá-lo a fazer escolhas éticas para ter um coração e uma alma mais saudáveis . Seu estilo carismático de discurso é único e tem de ser visto por qualquer um que se preocupe com animais ou que deseje transformar o mundo um lugar melhor.


Para mais informações, por favor, visite:
http://vista-se.com.br
http://www.guiavegano.com.br

A sessão de perguntas e respostas pode ser vista aqui:
http://www.youtube.com/watch?v=eA5Xcs...

POR FAVOR, COMPARTILHE esse discurso brilhante da forma que puder.
Obrigado.

Por que você deveria compartilhar esse discurso da forma que puder?
A quantidade de respostas positivas que Gary recebe dos espectadores e estudantes diz tudo:
http://adaptt.org/comments-students.html

Baixe o arquivo original (2GB):
http://tinyurl.com/PorBR1

Vídeo original:
http://www.youtube.com/watch?v=es6U00...

sábado, 3 de agosto de 2013

Saudades do amanhã

Hoje estou com saudades do amanhã.
Porque amanhã é tempo de esperança,
Quando já terá nascido a criança,
Que irá governar a transição.

Hoje estou com saudades do amanhã.
Porque amanhã os brutos serão silenciados,
Corruptos serão sentenciados,
Porque haverá luz no seu coração.

Hoje estou com saudades do amanhã.
Esse tempo tão esperado,
Hoje estou com saudades do amanhã,
Porque amanhã estarei a seu lado.